sexta-feira, 1 de maio de 2015

Falta um salvador

Hoje falava com uma pessoa simples, mas estimada no meio alcochetano, quando a dado momento da conversa essa pessoa me diz que falta nas esquerdas alguém capaz de levar Portugal para a frente.
Eu ouvia-o sofrido por saber que o meu interlocutor não estava receptivo à ideia de que as esquerdas são o problema deste País e não a solução. Por exemplo, na criação de um registo de identificação criminal de condenados por crimes sexuais contra menores, toda a oposição votou contra alegando inconstitucionalidade. Não sou constitucionalista, mas Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, França, etc., já aprovaram essa lista de pedófilos a favor da prevenção e protecção das crianças. Por que razão as esquerdas em Portugal estão a levantar problemas?
Nada disto eu disse ao senhor X porque ele logo me perguntaria: o que tem a ver uma coisa com a outra?
Mas a conversa acabou com um desabafo da pessoa que comigo falava: fez-se o 25 de Abril, mas o fascismo continuou, embora debaixo doutras capas.
As pessoas não conseguem interligar as coisas, mas sentem-nas bem.

Sem comentários:

Enviar um comentário