domingo, 25 de agosto de 2013

Amália Rodrigues - Povo que lavas no rio


Amália Rodrigues, quando cantava este poema de Pedro Homem de Melo, sabia que cantava o desejo homossexual?
Eu tenho dúvidas que soubesse!
Nesta conformidade, permito-me pensar que a grande voz do Fado foi instrumentalizada por intelectuais cujo combate não era o dela!
Não admira!...
A própria Sophia de Mello Breyner Andresen fez um poema a Che Guevara, implacável assassino.


Sem comentários:

Enviar um comentário